sábado, 4 de julho de 2020

Sessão pipoca: Dora e a Cidade Perdida

Olá querido(a)!
O filme escolhido para a sessão pipoca de hoje foi Dora e a Cidade Perdida.


Sinopse: Ambientado na floresta peruana, o filme narra as aventuras de Dora junto de seu macaco Botas, amigos que acabou de fazer na escola e um misterioso explorador a fim de salvar seus pais de mercenários. Mas Dora também terá de solucionar um grande mistério envolvendo Parapata, uma antiga cidade perdida dos Incas.

Gênero: Aventura, família.


Esse era um filme que eu estava curiosa para assistir, mas nem sei o porquê. Acabei assistindo com a minha irmã em um dia que não tinha nada melhor pra ver. Quando o filme começou eu pensei seriamente em desistir porque achei que ia ser muito ruim, porém fui surpreendida. Eu senti um quê de zueira o filme inteiro e apesar de trazer traços da Dora do desenho, o filme mostra como ela se vira sendo uma adolescente que cresceu longe da cidade. Eu achei bastante engraçado. Não é um filme incrível, mas também não é tão ruim a ponto de não dar pra assistir. Como já disse é engraçado, mas também tem uma dose de aventura bem legal. Ahh, e eu juro que a Dora parece louca mas é uma boa pessoa. É aquele filme que por ser ruim acaba sendo bom.

Indico esse filme pra quem quer algo que dê pra assistir com a família. Um filme engraçado, leve mas com aquele gostinho de aventura que a gente aDora, haha. Assistam e tirem suas próprias conclusões.


Você já assistiu esse filme? Deixe um comentário falando o que achou sobre ele e sobre a sessão pipoca de hoje, vou adorar saber a sua opinião :)

Beijoos ;*

sexta-feira, 3 de julho de 2020

Resenha literária: Vampiratas - Demônios do Oceano

Olá querido(a)!
A resenha literária de hoje é sobre o livro Vampiratas: Demônios do Oceano.


Sinopse: Os gêmeos Connor e Grace Tormenta foram criados ouvindo os versos desta velha canção. A história de piratas vampiros que atravessavam os mares em um navio assombrado costumava acalmá-los nos momentos de temor. O que os irmãos nunca poderiam imaginar é que existia verdade por trás da lenda. Mas isso foi antes... Com a morte repentina do pai, que deixou um veleiro e muitas dívidas, eles devem escolher entre serem adotados pelo banqueiro da cidade ou irem para o orfanato de Baía Quarto Crescente. Assustados, decidem fugir e enfrentar o oceano. Mas uma terrível tempestade afunda o barco e os separa. Dois navios misteriosos presenciam o naufrágio e cada embarcação resgata um dos gêmeos antes de desaparecer nas brumas. Connor está em um navio pirata e rapidamente se junta à tripulação, mas Grace vai parar em um navio assustador que esconde muitos segredos. Em pouco tempo, Connor se entrega às artimanhas da pirataria. Atlético e determinado, ele aprende a manejar espadas e conquista a simpatia do Capitão Molucco Wrathe, um pirata à moda antiga que acredita que a regra nos mares é regra nenhuma! Enquanto isso, Grace passa dia e noite trancada em uma cabine, proibida de interagir com qualquer integrante da tripulação, com exceção do jovem, gentil e misterioso Lorcan Furey, que salvou sua vida. Esperta, ela não demora a perceber que aquele não é um navio comum: os tripulantes só despertam quando anoitece, velas se acendem sozinhas e refeições surgem magicamente – só pode ser o navio dos Vampiratas! Grace está decidida a encontrar o irmão a qualquer custo, mas que chance ela tem em um navio de mortos-vivos famintos? Acima de tudo, Connor e Grace querem se encontrar novamente, mas o tempo é curto e um oceano os separa. Divertido e original, VAMPIRATAS – DEMÔNIOS DO OCEANO, de Justin Somper, ganhou os prêmios Birmingham Book e Solihull John Lewis Children’s Book. Fãs de piratas, vampiros e todos aqueles que gostam de uma boa aventura vão se deliciar com a jornada de Grace e Connor – uma história fantástica para todas as idades.

Assunto: Aventura, Fantasia, Ficção.

Editora: Record.

Páginas: 304.

Ano: 2007.

Sobre o autor: Justin Somper é uma escritor britânico, autor de uma série de livros infanto-juvenis chamada Vampiratas. Graduado pela Universidade de Warwick, trabalhou como publicitário, antes de iniciar a carreira como escritor.


Eu tenho a sensação que o livro de hoje não seria algo que eu leria no momento, porém meu eu de 14 anos pensou em ler. Me lembro que ganhei o terceiro livro dessa série de Natal (eu mesma escolhi), mas não me atentei ao fato de que era o terceiro. Depois disso ficou de lado na minha prateleira por anos. Só agora tomei coragem para ler essa série inteira.

A capa do livro é bem bonita e chama bastante atenção. Nela podemos ver o navio dos Vampiratas e um oceano revolto em meio de uma tempestade. Acho que é uma capa que chama a atenção dos adolescentes. Não vou falar sobre a diagramação porque li pelo Kindle. A leitura foi bem rápida e fluiu super bem.

Confesso que não é uma história que eu leria normalmente porque gosto de livros com uma temática mais adulta, mas ele não é ruim. Nesse primeiro livro conhecemos os gêmeos Tormenta e embarcamos numa aventura pelos mares. Temos contato com o navio dos Vampiratas e com os piratas do Diablo. Eu esperava mais do livro e da história, porém entendi que esse primeiro livro é mais uma apresentação dos personagens que são essenciais e do mundo em que eles estão inseridos. Senti muita falta de saber mais sobre os Vampiratas que dão o título ao livro, mas acho que isso vai ser mais explorado ao longo da série. É um livro bacana, mas dá pra sentir o quanto o enredo é infantil e adolescente. Os personagens principais tem apenas 14 anos, então entendo que é por causa disso mesmo. E devo falar aqui que o personagem que mais gostei e mais me intrigou foi o Lorcan. E senti um "quê" de Desventuras em Série e de Piratas do Caribe nessa história.

Um livro para quem curte fantasia e aventura, e que tenha menos de 15 anos. Não acho que é uma história que vai agradar muito os públicos com mais idade.

Esse livro eu baixei na internet, mas acho que dá pra encontrar fácil em qualquer livraria.

O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

quinta-feira, 2 de julho de 2020

Minhas leituras de junho de 2020

Olá querido(a)!
Hoje vim compartilhar minhas leituras do mês com você. Se você não viu minhas de maio, você está esperando o que? Esse mês foi um mês ótimo de leitura. Consegui aumentar um pouco a quantidade de livros lidos. Estou feliz que estou cumprindo minhas metas de leitura e espero que esse mês seja melhor que o anterior. Agora tenho apenas um livro físico não-lido na minha prateleira, que ainda não consegui ler. Mês passado falei que lia, mas não aconteceu. Vamos ver se esse mês vai.

1- Vampiratas: Coração Negro


2- Vampiratas: Maré de Terror


3- Vampiratas: Guerra Imortal


4- A princesa salva a si mesma neste livro


5- Seduzida pelo Bilionário


6- Quando o Amor Chama


7- Show de Dia dos Namorados


8- Protegida pelo Bilionário


9- O Livro da Bruxa


10- Como Destruir um CEO Bilionário


O que achou das minhas leituras de Junho? Algum livro que gostaria de ler? Algum que já leu? Me conta também quais foram suas leituras do mês passado!

Beijoos ;*

quarta-feira, 1 de julho de 2020

Resenha literária: Branco Letal

Olá querido(a)!
A resenha literária de hoje é sobre o livro Branco Letal.


Sinopse: Quando Billy, um jovem problemático, vai à agência do detetive particular Cormoran Strike, procurando sua ajuda na investigação de um crime que ele pensa ter testemunhado quando criança, Strike fica profundamente aflito. Embora o rapaz tenha problemas mentais evidentes e não consiga se lembrar de muitos detalhes concretos, há algo de sincero nele e na história que conta. Mas, antes mesmo que Strike consiga interrogá-lo melhor, Billy foge de seu escritório em pânico. Tentando chegar ao fundo da história de Billy, Strike e Robin Ellacott – antes sua secretária, agora uma sócia na agência – partem seguindo um rastro tortuoso que os leva pelas ruas do submundo de Londres, até um refúgio reservado dentro do Parlamento e a uma bela mansão, porém sinistra, no interior do país. E durante essa investigação labiríntica, a própria vida de Strike não está nada fácil: graças à fama recente como detetive particular, ele não consegue mais agir nos bastidores, como antigamente. Além disso, sua relação com a antiga secretária carrega mais tensão do que no passado – Robin agora é inestimável para os negócios de Strike, mas o relacionamento pessoal deles dois é muito mais espinhoso que isso. O mais épico dos romances de Robert Galbraith até então, Branco letal, além de um mistério cativante, é um novo episódio empolgante da história que vem rolando entre Cormoran Strike e Robin Ellacott.

Assunto: Mistério, Policial, Suspense.

Editora: Rocco.

Páginas: 700.

Ano: 2019.

Sobre a autora: Robert Galbraith é pseudônimo de J.K. Rowling, autora da série Harry Potter e de Morte Súbita.


Esse livro é a continuação de Vocação para o Mal. Eu fiquei muito ansiosa por esse livro depois que acabei o terceiro (que eu amei o final).

capa tem um ar de mistério, assim como os anteriores. Nela já podemos vislumbrar o Cormoran e a Robin. Essa capa é importante porque ela mostra que a relação de trabalhos deles mudou, já que agora são sócios. Temos a Londres ali no fundo da capa, quase sumindo. Não vou falar sobre a diagramação porque li pelo Kindle. A leitura demorou um pouco porque esse livro é bem grande.

Esse é um dos melhores livros na minha opinião, apesar de o anterior ser o meu queridinho (esse vem longo em seguida). Confesso que passei esse livro inteiro focada na relação do Cormoran com a Robin que continua sendo complicada (mas passei o livro inteiro torcendo para rolar algo). Esse livro aproxima muito mais a gente dos personagens: Robin se encontra num casamento ruim e enfrenta crises de pânico frequentes, Strike continua a ser frio em seus relacionamentos. Apesar de muitos comentários falando que esse livro não é tão bom, gosto dele. O mistério que temos aqui é confuso no começo e temos muitos personagens envolvidos, mas eu gosto do jeito que as histórias se cruzam. É bem interessante ver como a história vai avançando. Uma coisa que me empolgou muito é de dessa vez eu consegui ter ideia de quem era o assassino antes dele ser revelado. Gostei muito desse livro e estou ansiosa pelo próximo, pena que ainda não lançou. Vou continuar a ler com certeza essa série. Estou bem apegada aos personagens.

Indico para quem gosta de livros de suspense e mistério. Um livro ótimo e que faz a gente gostar ainda mais dos personagens e da série.

Esse livro eu baixei na internet mas você pode achar facilmente em livrarias.

O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

terça-feira, 30 de junho de 2020

Decor: Aparadores de livros

Olá querido(a)!
A dica de decoração de hoje é para aquelas pessoas que tem muitos ou alguns livros, e que gostam de boas leituras. Ahh, e claro que é pra quem gosta de usar seus livros na decoração.

A decoração com aparadores de livros é ótima porque é bonita e ao mesmo tempo funcional. Quando você tem aquele móvel em que você não consegue deixar o livro em pé, porque se não ele vai cair, você pode usar aparadores. Mas por que usar aparadores normais, se a gente pode usar algo divertido ou com apelo estético diferenciado? Hoje temos muito modelos de aparadores de livros por aí, alguns muito divertidos e outros bem estilosos. Apesar de eu não ter tanto espaço porque tenho livros demais, eu uso um aparador que imita o sangue escorrendo para aparar e decorar meus livros de true crime. Acho super legal mesclar o tema dos livros com o tema do aparador! Na verdade são inúmeras as possibilidades. Agora vamos de imagens, pois elas valem mais que mil palavras.







O que achou dessa dica de decoração? Já pensou em usá-la?

Beijoos ;*