segunda-feira, 17 de maio de 2021

Resenha: Escova secadora da Britânia

Olá querido(a)!
Hoje vou fazer a resenha da escova secadora da Britânia.



Com a incrível Escova Secadora Soft BEC02 da Britânia você poderá cuidar de seus cabelos com eficiência, qualidade e segurança!

Essa bela escova secadora irá tornar o processo de secagem de suas madeixas muito mais fácil e prático, pois conta com três velocidades e duas temperaturas, combinadas em um único botão, adequando-se a cada tipo de cabelo sem agredi-lo.

Ela possui tecnologia Íon Turmaline, uma proteção extra para os cabelos (principalmente os ressecados e os quimicamente tratados) que conta com a utilização do mineral Turmalina, que potencializa a ação dos íons negativos no cabelo, diminuindo o frizz, a eletricidade estática dos fios, fechando a cutícula, ajudando a modelar os cabelos e garantindo fios muito mais macios e com um brilho radiante.

Outro cuidado que essa escova irá fornecer, é o Revestimento de Cerâmica no tubo de aquecimento que emite ondas infravermelhas de calor, deixando a secagem mais eficiente, a temperatura mais estável e os cabelos naturalmente hidratados, brilhantes e saudáveis.

As cerdas com pontas emborrachadas garantem maior conforto ao pentear e evita que você queime o couro cabeludo durante o uso. Além disso, a escova ainda conta anel para pendurar, selo Inmetro de qualidade e cordão de alimentação de 1,8 metros, que permite uma utilização muito mais livre e prática graças ao giro 360°C.



Essa escova custa em torno de R$ 150,00 e a minha é de 110V (sempre olhe esse detalhe antes de comprar, eu mesma quase comprei na potência errada).

O meu felling sobre esse produto é positivo. Já vou começar falando que não acho esse produto necessário, mas se você não possui um secador em casa, essa é uma boa opção. O que mais me interessou nele foi a praticidade para secar e escovar os cabelos, já que sou uma negação com o secador. Como eu estava planejando fazer minha própria escova progressiva, achei que esse seria um facilitador para isso (sem contar que minha irmã viu um monte de gente usando na internet e também se interessou). No cabelo sem química, natural, não achei que fica incrível. Ela alisa sim, mas acho que fica com aquele aspecto volumoso demais, e fico naquelas de que precisa finalizar com a prancha. Talvez em cabelos que tem um tratamento mais power, ela dê um resultado melhor. Para a progressiva eu gostei, porque me ajudou no processo de escovar e secar os cabelos. Falam que dá pra modelar os cabelos com ela, mas não tenho essa habilidade.  Para mim, uso apenas para secar os cabelos mesmo. Um problema que aconteceu comigo é que depois de usar um tempo e desligar para separar mais cabelos para secar, ela não ligou mais. Pensei que tinha queimado, mas depois de uns minutos consegui ligar de novo. Aconteceu algumas vezes, achei estranho, mas continua funcionando. Vale a pena? Vale a pena sim, ainda mais pra quem seca bastante os cabelos. Como eu já tinha um secador muito bom aqui em casa, eu não precisava. Mas já disse que é uma boa opção para quem não tem, pela praticidade do produto.

Você já conhecia esse produto? Gostou dessa resenha? Conte nos comentários!

Beijoos ;*

quinta-feira, 13 de maio de 2021

Na telinha: No limite

Olá querido(a)!
Hoje vim falar um pouquinho sobre No Limite.


Na terça-feira, dia 11 de maio, estreou a nova temporada do reality show que deu abertura a todos os outros que vierem em seguida. Eu esperei todos esses anos para a volta de No Limite, esse reality que embalou o fim dos anos 90 e início dos anos 2000. Foi com ele que a paixão do brasileiro por reality começou a florescer. Apesar de eu ser bem pequena na época, eu lembro muito desse reality que eu amava assistir.

Nessa nova temporada/versão resolveram colocar ex-participantes do BBB de variados anos. Acho que isso foi mais uma forma de manter o público interessado, já que o reality começou logo em seguida do fim do BBB 21. Achei interessante o elenco, com muitas carinhas que fizeram história nos BBBs anteriores. Só achei que chamaram bastante gente do BBB 18, mas imagino que foi porque as pessoas estavam interessadas em participar.

"Isolados em uma praia deserta, um grupo de pessoas vive situações que exigem coragem e resistência física ao máximo, com recursos limitados e uma série de desafios que vão além da convivência."


A produção acontece na Praia Brava no Ceará, um lugar com muitas dunas e paisagens paradisíacas. Como já falei, nessa edição temos apenas ex-BBBs mas ainda não sei se isso é uma coisa boa. Acho que a maioria foi apenas pela visibilidade, porque é um programa bem punk. Esses 16 participantes estão divididos em 2 grupos: Carcará e Calango. O prêmio também não é lá essas coisas, 500 mil reais. E para ganhar essa bolada o participante vencedor terá que aguentar 16 semanas, que é a duração do reality. O programa passa uma vez por semana e contará com uma Prova de Privilégios que concede ao grupo vencedor algumas regalias, e uma Prova de Imunidade que concede ao grupo vencedor se livrar do Portal de Eliminação. A parte boa é que nesse reality não temos a interferência do público, são eles mesmo que decidem quem irá sair.


Nesse momento não tenho nenhum grupo preferido e nem participante preferido. Estou apenas torcendo pra galera se ferrar mesmo, para o programa testar os limites dos participantes e ganhar aquele que melhor se sair nas provas e também na convivência com os outros participantes. Quero muitas tretas também, haha.

Sobre o apresentador: eu adoro o André Marques, mas juro que sou meio apegada e senti falta do Zeca Camargo. Eu entendo que as coisas tem que mudar, assim como o BBB mudou o apresentador... mas bate aquela saudade do apresentador que deu início a isso. Mas acho que o André Marques está fazendo um trabalho legal.

Tenho que dizer que, eu e todo mundo, estamos esperando o olho de cabra. Quem lembra?


Esse reality show é exibido mais o menos às 22:30  na Globo as terças-feiras. Você também pode assistir assinando o GloboPlay.

Você está acompanhando esse reality show? O que está achando?

Beijoos ;*

terça-feira, 11 de maio de 2021

Resenha literária: Desastres Sexuais: Férias!

Olá querido(a)! 
A resenha literária de hoje é sobre o livro Desastres Sexuais: Férias!.


Sinopse: Desastres sexuais podem acontecer em qualquer lugar, com qualquer um. Seja num cruzeiro feito para solteiros, como forma de se vingar de uma traição, no alto do tobogã de um resort badalado, em uma viagem a cidadezinha remota, pode ocorrer depois de um banho mágico e também pode gerar frutos duradouros, mesmo que seja após uma noitada inesquecível. São tantas formas de dar errado que parece que o sexo é um caminho sem volta rumo ao perigo iminente. Mas, quando dá certo... é maravilhoso, não é mesmo?De uma coisa não há dúvida: esses acidentes, grandes ou pequenos, sejam onde ou com quem for... Serão lembrados para sempre. Eles marcam cada história como uma tatuagem e possuem a grande capacidade de provocar risadas. Dentro desse mundo de possibilidades, seis autores se juntaram para mostrar o seu talento e criatividade em uma obra que promete arrancar suspiros, gargalhadas, calorzinho e até mesmo a revolta. Junte-se a nós nessa aventura — ou seria desventura? — e venha desbravar, mais uma vez, o vasto universo dos desastres sexuais. Tenha ótimas férias!

Assunto: Comédia Romance.

Editora: Publicação Independente.

Páginas: 377.

Ano: 2020.


Depois de ler Desastres Sexuais e ter amado, resolvi encarar esse segundo livro. Nem pensei duas vezes e confesso que já tinha comprado todos antes mesmo de ler o primeiro.

Eu amo essa capa! Acho que ela combina com as histórias, com o título e tudo mais. Acho ela linda! Existe algo que mais remete a férias que piscina e sol? A capa já me passa um ar divertido. Um livro que li rapidinho.

"Relaxei, pronta para me libertar em uma gozada real, de verdade, como a que eu sempre sonhei, mas meu corpo tinha outros planos.

O barulho do peido foi tão alto que pensei ter uma vaca mugindo dentro do quarto."

O primeiro livro eu já tinha adorado e esse de férias eu amei! A gente sempre começa as férias pensando em viver momentos inesquecíveis, mas nunca pensando em desastres. As férias são aquele momento que tem que ser perfeito, já que em dias normais a gente já sofre bastante. Imagina ir para as férias animada e acabar em um desastre sexual? As férias assim podem ser inesquecíveis, mas de um jeito cômico. Depois de ler esse livro, a palavra férias vai soar de outra forma. Contos envolventes, engraçados e românticos na medida certa. Eu adorei e me diverti bastante!

O tipo de livro para quem quer dar boas risadas, mas ao mesmo tempo quer um romancinho também. O bom é que são vários contos e dá pra devorar rapidinho cada um.


O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Resenha: Sabonete líquido para mãos de castanha da Natura

Olá querido(a)!
Hoje vou fazer a resenha sobre o sabonete líquido para as mãos de castanha da linha Ekos da Natura.



Limpeza delicada com espuma abundante e fragrância delicada.

Este sabonete líquido contém óleo bruto de castanha, rico em ômegas 6 e 9, que combatem os sinais do ressecamento. Um potente antirressecamento que realimenta as camadas da pele. As castanheiras ajudam na manutenção da biodiversidade da Amazônia, beneficiando 689 famílias guardiãs da floresta.

Benefícios:

• Espuma cremosa que limpa e hidrata suavemente por até 24 horas;
• Limpa e forma filme protetor na pele das mãos, respeitando a barreira de hidratação natural da sua pele;
• 94% natural;
• Sem sulfato;
• Biodegradável;
• Vegano.


A embalagem contém 250 ml e custa R$ 43,90.

O meu felling sobre esse produto é positivo. Nessa época em que estamos vivendo ter um sabonete no banheiro para lavar as mãos é indispensável. Comprei esse porque meu banheiro estava sem nenhum. O lado bom é que a embalagem é bem bonitinha e já fica perfeita para o uso na pia do banheiro, já que é de pump. O sabonete é bem consistente e possui a cor branca, cor da castanha. O cheiro é bom e nada forte. Ele é bem hidratante. Gosto dessa pegada natureba da Natura e acho que é um sabonete muito superior aos outros por conta disso. Acho que vai durar bastante, já que só eu e minha irmã usamos esse banheiro. Não acho que é um sabonete barato, já que a gente consegue encontrar outros por um quarto do preço. Vale a pena para quem gosta dessa proposta mais natural. Não sei se a natura vende refil dele, mas se vender provavelmente irei comprar para repor.

Você já conhecia esse produto? Gostou dessa resenha? Conte nos comentários!

Beijoos ;*

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Sessão pipoca: Agente Duplo

Olá querido(a)!
O filme escolhido para a sessão pipoca de hoje foi Agente Duplo.


Sinopse: No documentário Agente Duplo, Sergio é um espião chileno. Ele recebe o papel após uma sessão de elenco organizada pelo detetive Romulo, um investigador particular que precisa de uma vergonha credível para se infiltrar em uma casa de repouso. O cliente de Rômulo, filha preocupada de um morador, suspeita que sua mãe esteja sendo abusada e o contrata para descobrir o que realmente está acontecendo.

Gênero: Documentário.


Esse foi um dos filmes que assisti naquela loucura de querer ver tudo que estava concorrendo ao Oscar (no fim das contas não vi quase nada). Confesso que eu não estava botando muita fé nesse documentário, até achei o assunto interessante, mas não imaginava gostar tanto dele.

Eu imagino que todo mundo adora uma boa história de investigação, mas imagina essa ser uma história real? A gente começa a assistir esse documentário imaginando que vamos ficar indignados no final, já que ao que tudo indica vamos ver idosos sendo maltratados por quem deveria cuidar deles. A grande sacada de tudo é que ele nos surpreende no final. O agente infiltrado é um fofo, assim como todos os outros moradores do asilo. A gente consegue se aproximar das histórias e se comove com o que vê. Gosto também dos relatórios que o agente passa para o detetive. Mas devo dizer que não posso falar muito para não estragar a reviravolta que temos nesse documentário. Achei muito bonito e me fez refletir bastante sobre a terceira idade e como tratamos aqueles que chegam nesse período da vida.

Um documentário que eu recomendo para todos porque é bem interessante. Está disponível na Globoplay.


Você já assistiu esse filme? Deixe um comentário falando o que achou sobre ele e sobre a sessão pipoca de hoje, vou adorar saber a sua opinião :)

Beijoos ;*

quinta-feira, 6 de maio de 2021

Minhas leituras de abril de 2021

Olá querido(a)!
Hoje vim compartilhar minhas leituras do mês com você. Se você não viu minhas leituras de Março, você está esperando o que? A cada mês que passa venho aqui e mostro menos livros. Não sei o que anda acontecendo, mas estou num momento bem ruim para leituras. Nada anda fluindo e parece que eu ando muito sem tempo para isso. Espero que essa fase ruim passe e que eu consiga ler mais.

1- Viagem ao Centro da Terra


O que achou do livro que eu li? Me conta aí quais foram suas leituras do mês passado!

Beijoos ;*

quarta-feira, 5 de maio de 2021

A pandemia ainda não acabou

Olá querido(a)!
É muito louco como as coisas mudam. Eu estava preparada para escrever sobre a final do BBB, mas as coisas mudaram quando soube do falecimento de Paulo Gustavo, que se deu por conta de complicações advindas do coronavirus.


Imagino que ninguém aguenta mais ouvir falar dessa pandemia, mas ela existe e ainda está aí. A cada dia as coisas pioram e novas cepas são descobertas, o que faz a gente pensar que isso nunca vai ter fim. Mais de 400 mil pessoas mortas apenas no Brasil, e a cada dia perdemos mais vidas.

A morte de Paulo Gustavo me fez refletir sobre o que anda acontecendo. O vírus não poupa ninguém. O Paulo uma pessoa tão querida e iluminada nos deixou no dia de ontem apesar de ter lutado tanto contra essa doença. Mas vamos pensar também que o Paulo só resistiu por tanto tempo porque tinha acesso aos melhores e mais modernos tratamentos que o dinheiro pode pagar, porém nem todo mundo vai ter essa oportunidade. Isso tudo só mostra que o dinheiro não compra a vida nesse momento, mas é importante na questão de ter mais chances de vencer a doença. Mesmo assim, a chance de morrer está ali. Isso é muito triste.

E por quê entrar nesse assunto tão triste? Porque eu tenho reparado a minha volta que, aparentemente, a pandemia acabou. A gente sabe que ela ainda existe, mas parece que muita gente jogou a toalha. Não consigo ver as pessoas realmente preocupadas com o que vem acontecendo. Muita gente continua morrendo, mas nas ruas vejo aglomeração e máscaras no queixo, ou mesmo inexistentes. Os cuidados mais básicos não são tomados. Entendo que a vacina deu esperança, mas sabemos que a maioria das pessoas ainda não está vacinada. Mesmo com a vacina, outras medidas preventivas ainda são necessárias para o controle da doença.

Eu não estou brincando, voltei a caminhar essa semana e 70% das pessoas que vi pelo caminho estavam sem máscara ou com ela no queixo. Poucas pessoas ainda seguem os protocolos. E eu penso que a gente tem que se prevenir e não sair por aí dando sorte para o azar. O coronavirus é uma caixinha de surpresas, assim como você pode nem ter sintomas quando pegar, ele pode te levar a morte. Não conseguimos prever qual tipo iremos pegar e por isso é tão perigoso, sem contar que também podem acontecer reinfecções pelo vírus.

Por isso vim aqui fazer um pedido: evitem aglomerações e tomem todos os cuidados necessários. É um cuidado para a sua saúde e para a saúde de toda a sociedade. Não vou dizer aqui que nunca falhei quanto a minha conduta e cuidados durante essa pandemia, acho que a maioria das pessoas errou em algum momento. Estou aqui para falar do "daqui para frente", que ainda podemos e devemos fazer a diferença. Só vamos conseguir passar por essa fase ruim quando nos conscientizarmos enquanto pessoas e sociedade. Tomar os cuidados necessários não deve ser diminuído a uma escolha individual, porque é uma coisa que afeta a todos. Sua escolha afeta o seu entorno. Pense em você, mas pense nos outros também.

terça-feira, 4 de maio de 2021

Resenha: Progressiva Probelle Zero Absoluto

Olá querido(a)!
Hoje vou fazer a resenha sobre a Progressiva Probelle Zero Absoluto.



Shampoo Anti-Resíduo

Desenvolvido especialmente para limpar o couro cabeludo e os fios. Fórmula especial. Preparar fibra para receber o gloss realinhador. Elimina suavemente os resíduos e protege contra o ressecamento e desbotamento, facilitando o penteado com controle máximo do volume e eliminação do frizz. Recupera em profundidade os fios danificados revelando a intensificando a cor. Sua exclusiva fórmula promove sublime nutrição densificando a fibra e texturizando o couro.

Modo de Uso
Aplicar nos cabelos molhados. Massagear para maior penetração na fibra. Enxaguar com água em abundância. Repetir a operação caso necessário.

Precaução
Manter fora do alcance de crianças. Em caso do contato com os olhos lavar com água em abundância.


Gloss Força Super

Desenvolvido com altíssima tecnologia e formulado especialmente com matérias primas de baixíssimo peso molecular, promove assentamento dos cabelos, eliminação do frizz, através do realinhamento térmico e neutraliza o amarelado dos cabelos. Em razão da sua alta capacidade de penetrabilidade no córtex, seu resultado é imediato e de longa duração, com nutrição absoluta, aumento da elasticidade e maleabilidade com brilho excepcional e densificação capilar. Cabelos fortalecidos, ultra-macios, com brilho acetinado e resultado de longa duração. Fibra blindada, selada e cauterizada com superproteção.

Teste de Mecha
Antes de usar o produto, faça sempre o teste de mecha, pois ele ajuda a avaliar se os cabelos estão em condições de utilizá-lo. 1: Aplique o produto na mecha escolhida para o teste. 2: Verifique a evolução a cada 5 minutos por um período de 40 minutos. 3: Caso verifique o emborrachamento da fibra, lave a mecha com água e interrompa imediatamente o tratamento.

Modo de Uso
Após a lavagem dos cabelos com Shampoo Zero Absoluto Probelle, secar 80% da umidade com uma toalha. Dividir a cabeleira em 4 quadrantes. Com um pincel, aplicar o Gloss em mechas finas no sentido da raiz as pontas. Aplicar deixando uma distância de 0,5cm do couro cabeludo. Deixar de 15 a 40 minutos - de acordo com a porosidade (saúde) dos fios. Deixar agir com os cabelos em posição reta. Após a ação enxaguar os cabelos, retirando 80% do produto. Em seguida secar com auxílio de um secador e um pente. Passar um protetor térmico Probelle de sua preferência, escovar e pranchar em mechas finas. Recomenda-se para manutenção dos cabelos platinados, usar a linha Silver. Uso exclusivo profissional.

Advertências
Avalie as condições em que se encontram os cabelos antes da aplicação do produto. Não aplicar se o couro cabeludo estiver irritado ou lesionado. Não usar em cabelos com Henê, Henna, tinturas progressivas, tinturas metálicas e Tioglicolato. Use luvas durante todo o processo. Pode ser reaplicado após 30 dias. Não utilizar em crianças, gestantes e lactantes. Antes de utilizar o produto, faça o teste de mecha. Esse procedimento é indispensável, mesmo que já tenha utilizado o produto. Este produto somente deve ser utilizado para o fim a que se destina, sendo PERIGOSO para qualquer outro uso. Ao utilizar, respeite o modo de uso. Mantenha fora do alcance das crianças. Para uso externo. Não ingerir. Evitar contatos com os olhos. Caso ocorra, enxágue imediatamente e abundantemente com água. Havendo irritação, suspenda o uso e procure orientação médica.



Resultado após duas lavagens.

A embalagem contém os dois produtos, Shampoo Anti-Resíduo e o Gloss Força Super, e cada um contém 1kg e custam, juntos, em torno de R$ 105,00.

O meu felling sobre esses produtos é positivo. Já conheço o produto a alguns anos e já fazia uso dele. Na época fui a loja procurando o botox da marca, mas no fim das contas acabei adquirindo essa progressiva. Sobre o cheiro: o shampoo tem um cheiro muito bom, já o gloss possui um cheiro mais forte e não tão bom (não é algo que incomode, mas é um pouco forte). Uma coisa que eu sempre sinto quando utilizo o Gloss é uma coceira no couro cabeludo, porém em progressivas que fiz em salão tive essa mesma sensação de coceira. Meus cabelos estavam terríveis e achei o resultado bem satisfatório. Percebi meus cabelos com menos frizz e mais lisos. Não achei que ficou 100%, mas imagino que foi o fator "cabelos grandes demais" atrelado a minha pouca habilidade de fazer meu próprio cabelo. Acho que esse produto é uma dica boa para quem quer fazer a manutenção da progressiva em casa ou quer se aventurar a alisar os cabelos. A parte boa é que dá pra economizar uma graninha, já que o produto rende muitas aplicações. Na minha opinião é um produto que vale a pena pelo custo benefício. Uma das coisas que você precisa saber é que para fazer uso desse produto você precisar ter um secador ou escova secadora em casa, para secar os cabelos. Depois precisa de uma prancha para finalizar, porém tem que ser uma prancha específica para progressiva (essas possuem um aquecimento mais eficaz).

Comprei no Mercado Livre esse produto.

Você já conhecia esse produto? Gostou dessa resenha? Conte nos comentários!

Beijoos ;*

segunda-feira, 3 de maio de 2021

Dicas de presentes para todo tipo de mãe

Olá querido(a)!


O Dia das Mães está chegando e eu não poderia deixar de fazer uma listinha para te ajudar a escolher um presente muito especial para a sua mãe. É lógico que é importante demonstrar seu amor pela sua mãe todos os dias, não só nessa data. O presente é apenas um agrado a pessoa que tanto fez por você. O importante é sempre demonstrar seu amor por sua mãe de alguma forma, mas no dia das mães a gente só quer reforçar o quanto ela é importante para gente.


Nem quero falar que esse é um tipo de mãe porque para mim todas são estilosas e vaidosas. Algumas mães vão ser super fashionistas e outras vão ter um estilo único, mas os dois tipos são estilosas e inspiram a gente.



Acho que toda mãe cozinha, né? Pelo menos o mínimo. Mas aqui vamos frisar aquelas que fazem demonstrações de afeto através da comida. Quem não gosta de uma comidinha de mãe? Eu amo! Então porquê não tornar esse momento mais legal para ela? Vamos de coisinhas de culinária!



Acho que a mãe atleta é aquela que tá preocupada com a saúde. Hoje em dia todo mundo quer fazer alguma coisa para mexer o corpo e se tornar mais saudável, e não podia ser diferente com as nossas mães. Por isso temos dicas para aquela mamãe que adora se exercitar.



Acho que todo mundo hoje anda bem conectado e nossas mães também. Esses presentes são para aquelas mães mais moderninhas e que adoram tecnologia.


Você já sabe o que vai dar de presente para a sua mãe? O que achou da minha listinha? Tem algum presente que você acha que faltou aí? Conta aí nos comentários!

Beijoos ;*

sexta-feira, 23 de abril de 2021

Tag literária: Redes Sociais

Olá querido(a)!
Como hoje é dia mundial do livro resolvi responder uma tag por aqui. Descobri essa tag no Portal Estante da Josy, mas pelo que eu vi foi criada por outra pessoa, o canal Faultdevices. Acho importante a gente falar de livros no dia do livro, ainda mais quando o nosso país quer taxar livros porque consideram que "só rico lê". Vamos continuar influenciando a leitura e contra essas taxas absurdas que acabam deixando as pessoas menos informadas. Informação é poder, por isso atacam nossos livros.


Twitter: Um livro que você quer compartilhar com todo mundo

Sapiens. Eu gosto muito de história do mundo e acho muito importante aprender sobre ela para entender como chegamos onde chegamos. Esse livro começa a narrar os primórdios da humanidade e para quem tem interesse no assunto, para mim, é o melhor livro nessa linha. Um livro grande que deve ser degustado aos pouquinhos.


Facebook: Um livro do qual você gostou e foi recomendado por outra pessoa

O Pequeno Príncipe. Li esse livro quando estava no fim do ensino fundamental. Foi uma amiga que me indicou e me emprestou o livro para fazer a leitura. Hoje ele é um dos livros que eu mais gosto e que traz muitos ensinamentos valiosos para a vida. Um livro que pode ser lido em qualquer idade porque de algum jeito vai tocar as pessoas que lerem.


Tumblr: Um livro que você leu antes de fazer o blog e não resenhou

A Saga Crepúsculo. Li no finalzinho do ensino fundamental e nessa época não tinha blog, por isso nada de resenhas deles. No caso eu e meus amigos discutíamos muito sobre os livros porque todos leram. E a gente leu bem antes de virar modinha e de ter previsão de lançar filmes.


Myspace: Um livro que você não tem a intenção de reler

A Culpa é das Estrelas. Não é de hoje que eu falo que não gostei desse livro. Já não tinha gostado do filme e me falaram que eu deveria ler o livro porque era muito melhor. Odiei, assim como outros dois livros que li do mesmo autor, mas acho que esse é o pior mesmo.


Instagram: Um livro com a capa bonita

Paraíso Perdido. Esse livro na versão da Darkside Books. Nessa versão esse poema tão famoso é colocado em uma publicação linda e com várias ilustrações. A capa é linda, o resto do livro também e eu amo o poema.


Youtube: Um livro do qual você gostaria de ver uma adaptação para o cinema

Jantar Secreto. Na verdade eu queria esse e os outros livros do Raphael Montes também, haha. Esse livro é um suspense incrível, surpreendente e sanguinário. Adoraria ver essa história tão interessante ganhar vida nas telonas.


Skype: Um livro com personagens com os quais você gostaria de conversar

Como Eu Era Antes de Você. Eu amo esse livro com todas as minhas forças e seus sucessores também, mas adoraria ser amiga da Louisa Clark. Para mim ela é uma personagem que a gente consegue se conectar de uma forma incrível. Acho que é uma pessoa que passou por muitas coisas na vida e adoraria conversar com ela. Também gostaria de conversar com o William Traynor.


Gostou dessa postagem? Já leu algum desses livros? Se você responder essa tag me envie, pois vou adorar ler suas respostas.

Beijoos ;*

quinta-feira, 22 de abril de 2021

Sessão pipoca: Amor e Monstros


Olá querido(a)!
O filme escolhido para a sessão pipoca de hoje foi Amor e Monstros.


Sinopse: Em Amor e Monstros, criaturas gigantes assumem o controle da terra, fazendo com que o resto da humanidade busque por refúgio no subsolo. Após sete anos do apocalipse dos monstros, Joel Dawson consegue se reconectar via rádio com Aimee, sua namorada da época de escola, e a paixão ressurge. Mesmo com ela vivendo a quase 130 km de distância, Joel percebe que não há nada que o prenda ao subterrâneo e resolve ir em busca de Aimee, apesar de todos os perigos que possam aparecer em sua jornada.

Gênero: Aventura, Comédia, Ficção Científica.


Estava de olho nesse filme desde que entrou no catálogo da Netflix, mas eu e minha irmã não animamos muito de assistir. Quando decidi que tentaria assistir alguns filmes que foram indicador ao Oscar, aí resolvemos dar uma chance. Ele está concorrendo na categoria de Efeitos Visuais.

Eu confesso que fiquei com muito medo de ser um filme ruim, mas no fim das contas gostei bastante. Eu sou um pouco suspeita para falar, porque adoro esses filmes com temática pós-apocalítica. Nesse filme se passaram 7 anos desde que a terra foi dominada por bichos com mutações que o fazem serem gigantes. Por esse motivo, as pessoas que permaneceram vivas vivem em bunkers ou em pequenas colônias, escondidos desses bichos. O filme gira em torno do amor que o Joel sente por sua antiga namorada e que pretende deixar seu bunker para encontrar com ela. Nisso ele segue em uma aventura perigosa num mundo de monstros para encontrar o amor. Nisso tudo tem muito humor e falas engraçadas, que me fizeram rir em muitos momentos e quebraram o clima tenso. Falando dos efeitos visuais, que foi o que fez o filme ser um dos indicados ao Oscar: eu gostei muito! Não achei os efeitos grotescos, nem nada do tipo. Os monstros ficaram com uma aparência real e foram bastante explorados durante o filme inteiro. Eu gostei, mas precisaria ver os outros filmes que estão disputando a categoria para cravar um chute sobre o vencedor.

Um filme que eu indicaria para toda a família assistir junta. Vai agradar tanto os mais novos quanto os adultos que gostam de uma boa aventura.


Você já assistiu esse filme? Deixe um comentário falando o que achou sobre ele e sobre a sessão pipoca de hoje, vou adorar saber a sua opinião :)

Beijoos ;*

terça-feira, 20 de abril de 2021

Resenha literária: 1984

Olá querido(a)!
A resenha literária de hoje é sobre o livro 1984.


Sinopse: Obrigado por acessar sua teletela e aproveite para conhecer uma das mais marcantes obras de ficção do século XX, agora em nova edição com 115 ilustrações de Rafael Coutinho, nova tradução de Antônio Xerxenesky e apresentação de Gregório Duviviver. O Grande Irmão está te observando. Em uma sociedade em constante estado de guerra contra outros países e contra os inimigos do sistema, cada cidadão deve viver sob a permanente vigilância das teletelas. Qualquer sinal de comportamento ou pensamento desviante da ideologia do Grande Irmão é severamente punido pela Polícia do Pensar. Funcionário do Ministério da Verdade responsável por reescrever notícias e registros históricos, Winston Smith atua alterando o passado e, assim, o presente. Treinado para obedecer e calar, ele começa, no entanto, a questionar essa realidade. Seus atos de rebeldia contra o sistema, como ousar manter um caderno subversivo, parecem mínimos, até que ele se depara com a oportunidade de fazer algo maior e colocar sua vida em risco por uma sonhada mudança. Publicado originalmente em 1949, este clássico de George Orwell é uma obra fundamental sobre opressão e totalitarismo e possibilita inúmeros paralelos com o momento que vivemos, 70 anos depois. A nova edição da Antofágica, além de contar com tradução de Antônio Xerxenesky, ilustrações de Rafael Coutinho e apresentação de Gregório Duvivier, também traz textos extras de Luiz Eduardo Soares, especialista em segurança pública, Débora Reis Tavares, estudiosa de Orwell, Ignácio Loyola Brandão, um dos principais autores contemporâneos e membro da Academia Brasileira de Letras e do jornalista Eduardo Bueno, criador do canal Buenas Ideias no Youtube.

Assunto: Distopia, Literatura Inglesa.

Editora: Antofágica.

Páginas: 439.

Ano: 2021.

Sobre o autor: George Orwell nasceu em 1903, sob o nome de Eric Arthur Blair, na Índia, onde seu pai trabalhava para o governo britânico. Depois de retornar para a Inglaterra e estudar como bolsista em Eton, uma das escolas mais tradicionais do país, Orwell decidiu trabalhar na Polícia Imperial, atuando na Birmânia. Ali, começou a analisar com viés mais crítico a experiência do colonialismo. Após um período de licença médica, optou por voltar à Inglaterra e finalmente se dedicar à carreira de escritor. Neste momento assumiu o pseudônimo e escreveu livros e artigos políticos, o que incluiu dividir experiências que viveu na pele ao lado da população mais explorada do sistema na Inglaterra, na França, e na Guerra Civil Espanhola. Trabalhando por um longo tempo como jornalista, escritor e ativista político, escreveu na última década de sua vida seus dois livros mais famosos, dois dos bestsellers mundiais até os tempos de hoje, A revolução dos bichos e 1984, ambos publicados pela Antofágica em 2021. Orwell faleceu em 21 de janeiro de 1950, padecendo de tuberculose e problemas respiratórios.


Esse é um clássico que eu sempre quis ler, mas nunca tomava coragem para começar. Acabei comprando numa super promoção essa edição da Antofágica e tomei coragem para começar a ler.

Eu acho a capa dessa edição perfeita! E ela me traz uma sensação estética de anos 80/90, talvez pelas cores. Nela temos um olho estilizado com uma pessoa dentro, que seria o Winston. O olho representa o grande irmão e a teletela que fica 24 horas vigiando as pessoas na história. Gosto muito da capa e gosto muito das ilustrações de dentro do livro. Um livro que demorei um pouco para terminar de ler.

"Todavia, os problemas de perpetuar uma sociedade hierárquica são mais profundos. Só há quatro maneiras de um grupo dominante perder o poder. Ou é conquistado por alguém de fora, ou governa de forma tão ineficaz que as massas são levadas a se revoltar, ou permite que um grupo Médio forte e descontente se desenvolva, ou perde a autoconfiança e vontade de governar. Essas causas não atuam de maneira isolada, e como regra, todas as quatro estão presentes até certo grau. Uma classe dominante capaz de se proteger contra todas elas ficaria no poder para sempre. Ao fim, o fator definitivo é a atitude mental da classe dominante em si."

Confesso que no início do livro achei a história um pouco monótona, mas acho que é proposital. A vida nessa realidade contada é monótona, chata, uma rotina em que você não tem escolha. Você vive para o Grande Irmão. Quando o Winston começar a se rebelar é que as coisas começam a ficar interessantes. Apesar de ser uma ficção, é um livro que remete muito aos nossos cenários atuais. Foi publicado em 1949, mas parece uma previsão do que viria a acontecer no futuro. As teletelas podem ser comparadas a todos os dispositivos que utilizamos com acesso a internet. Neles nos vemos todos e todos nos vem, e eles nos monitoram também, mas com um viés capitalista da coisa. Temos as mentiras que o Partido, no livro, coloca como verdade. Nos dias atuais temos as fake news que são utilizadas para acabar com reputações e enganar a população. Ou seja, muitos elementos atuais numa história fictícia. A história mexeu bastante comigo e eu adorei. Talvez tenha se tornado um dos meus livros preferidos de distopia, ao lado do Conto da Aia.

Para quem gosta de uma boa distopia, essa é uma boa pedida. Um livro que faz a gente refletir sobre a sociedade de ontem e de hoje.


O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

segunda-feira, 19 de abril de 2021

A falta que sinto dos amigos

Olá querido(a)!
Ontem foi dia do amigo e eu não poderia deixar de escrever sobre isso.


Saudades dos meus amigos, que nesses tempos difíceis estão distantes. Não distantes porque querem, mas porque se faz necessário. Não os vejo tem mais de um ano e só nos falamos intermediados por telas. Parece que o futuro chegou, não é mesmo?

Não tenho nem muito o que falar sobre as amizades: quem estava distante, agora sumiu de vez; quem estava perto, continua estando por aqui. A quarentena é só um momento, que espero que passe logo. Por mais que nos falemos sempre, não acho que é o melhor meio. Falta a presença e o toque amigo, falta o cara a cara.

Nesse dia do amigo não quero focar nos tipos de amizade, mas na importância de ter um amigo. E é triste pensar que, nesse momento, não estamos fazendo novos amigos. Parece que a vida parou no ano passado e ficou desse jeito. Mas nunca esqueci dos meus amigos.


sexta-feira, 16 de abril de 2021

Na telinha: Ugly Betty

Olá querido(a)!
Hoje eu vim falar da série Ugly Betty.


Eu amava essa série quando era mais jovem. Me lembro que assistia episódios aleatórios no SBT, mas nunca tinha assistido ela inteira. Quando vi que estava disponível no Disney+ resolvi assistir a série completa.

"Betty Suarez é inteligente, doce e esforçada. O único problema é que ela não é tão magra e bonita quanto suas colegas de trabalho na Mode, a revista de moda em que ela trabalha. O único motivo que o editor teve para contratá-la para ser a secretária de seu filho, é que ele achava que Betty seria alguém com quem Daniel não passaria noites. Mas o trabalho esforçado e a determinação da garota ganham o respeito de Daniel, à medida que ela o ajuda a entender o sombrio e conturbado mundo da moda."


Assistindo essa série novamente percebi que ela me lembra muito Jane A Virgem. Apesar de as histórias serem completamente diferentes, acho que seguem uma linha bem parecida. Histórias que eram para ser normal tomam enredos bem fantasiosos, o que eu não acho ruim. Acho que toda a graça dessa série acaba vindo dessas situações loucas que acontecem. Ao longo das temporadas conseguimos ver a evolução da Betty como profissional e a aparência também. Ahh, e a Betty é quase uma Poliana, já que ela sempre está de bem com a vida e com as pessoas, mesmo que essas sejam ruins com ela. Meu núcleo preferido é a família da Betty, que é muito engraçada. Acho que a parte cômica é que a Betty, que todo mundo julga não ter estilo, trabalha numa revista de moda. Eu adorei assistir e me deu uma nostalgia gigante, porque a trilha sonora é maravilhosa.

A série possui 4 temporadas, com o total de 86 episódios de 43 minutos cada. É uma série um pouco longa, mas bem divertida; É uma série de comédia e drama. Pra quem gosta de moda, mas também gosta de dar uma boa risada, essa é a série. Confesso que nem acho a Betty tão cafona assim e acho que ela poderia muito bem fazer parte de Gossip Girl, haha. Você pode assistir na Disney+.


Já assistiu essa série? Deixe seu comentário pra eu saber a sua opinião!

Beijoos ;*