quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Wallpapers para celular de Halloween

Olá querido(a)!
Hoje é Halloween, ou dia das bruxas aqui no Brasil. Apesar de não ser um dia de grandes comemorações por aqui, porque não é comum na nossa cultura, eu acho o dia das bruxas incrível. A bruxa que tenho dentro de mim está em festa, por isso resolvi compartilhar com você alguns wallpapers dentro desse tema.











O que você achou das minhas escolhas? Me diga nos comentários!

Beijoos ;*

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Segundo artigo científico publicado na Intercom

Olá querido(a)!
Sabe o que é felicidade? É saber que todo o estudo não foi em vão, que o esforço sempre é recompensado e que o não a gente já tem, mas é importante correr atrás do sim e se surpreender com o resultado.

Se você tá se perguntando o que estou fazendo aqui hoje, vim só avisar que fui publicada novamente. Cheguei a falar do aceite do trabalho aqui, mas hoje venho expressar minha felicidade da publicação aqui. Cheguei a dizer que achava que o trabalho não seria publicado, já que não poderia ir apresentar. Mas veja como a vida é uma caixinha de surpresas: publicaram mesmo sem eu apresentar!


Você não deve estar entendendo o quanto é incrível publicar um trabalho que você mesmo escreveu e que foi baseado em tudo que você leu e estudou durante alguns anos da sua vida, mas te digo que deveria tentar. E se você entende, já vejo que publicou algo.

Só passei aqui mesmo pra compartilhar essa conquista com você e pra deixar o link pra quem tem interesse em ler. Se preparem: teremos mais artigos publicados SIM! Por quê? Porque estou em grupo de pesquisa incrível, com pessoas incríveis que, assim como eu, amam estudar, aprender, compartilhar e botar no papel as ideias que tem.

E eu gostaria que você dividisse com a gente um momento especial que aconteceu com você, e fez você ficar com aquela felicidade plena e certeza de que está caminhando no caminho certo.

Beijoos ;*

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

3 livros escritos por mulheres brasileiras que você precisa conhecer

Olá querido(a)!
Confesso que fazer essa postagem no dia nacional do livro foi difícil. Queria fazer algo mostrando autores nacionais, mas não aqueles clássicos que vemos na escola. Queria fazer algo com pessoas que estão escrevendo e produzindo nesse exato momento. Acabei percebendo que não leio tantos autores nacionais como eu gostaria, digo isso até englobando os clássicos da literatura nacional. Leio sim livros nacionais, mas só dentro da minha área de estudo e pesquisa (comunicação), em outras áreas, nada.


Foi difícil porém fácil escolher os livros dessas três mulheres, influecers e exemplos. Cada livro tem a sua particularidade e demonstra fielmente quem elas são e o que vivem no dia-a-dia. Já adianto, dos livros aqui citados li apenas um, outro acabei de comprar (ainda não chegou) e o outro ainda está na minha lista de desejos.

Resolvi indicá-las pelo trabalho que desenvolvem através das redes sociais e da internet, trabalho esse que me afeta diretamente e de forma positiva. Gosto do modo como atuam e acho que deve ser compartilhado. Um exemplo de mulheres e acima de tudo, feministas.

1- Por Todas Nós - Conselhos Que Não Recebi Sobre Luta, Amor e Ser Mulher


Sinopse: Uma das coisas mais complexas da vida é a luta para aceitar-se. Todos os dias, travamos uma batalha contra nós mesmas, nossos desejos, nossa sexualidade e nosso corpo. Nunca é o suficiente, sempre falta algo. POR TODAS NÓS surge como um ombro amigo e solidário, mostrando que não estamos sozinhas em nossos sofrimentos diários e precisamos questionar tudo aquilo que a sociedade impõe – sem julgamentos nem padrões preconcebidos. Ellora Haonne se despe de qualquer paradigma que você já leu antes e compartilha seus medos e suas experiências, dando conselhos que nunca deram a ela e pronta para lutar por aquilo que acredita!

2- Pare De Se Odiar - Porque Amar O Próprio Corpo é Um Ato Revolucionário


Sinopse: O livro de estreia de Alexandra Gurgel, youtuber do canal Alexandrismos com mais de 300 mil inscritos. Alexandra Gurgel, criadora do canal Alexandrismos no Youtube, é conhecida por abordar em seus vídeos temas como autoaceitação, o movimento body positive, autoestima, relacionamentos e a luta contra a gordofobia. Em Pare de se odiar a autora tem como objetivo ajudar suas leitoras a trilharem o caminho do amor-próprio e o da construção de uma autoimagem mais positiva, entendendo como a sociedade em que vivemos interfere diretamente na relação que temos com o nosso corpo. Alexandra, que tem sido uma das vozes mais atuantes do movimento body positive no Brasil, traz no livro uma mensagem honesta e acolhedora, a partir de sua experiência pessoal para mostrar que amar o próprio corpo é, de fato, um dos atos mais revolucionários deste século.

3- Eu Acho Que Você é Meio Doido, Sim


Sinopse: Este livro é sobre você! Sempre que conheço alguém novo, essa pergunta me vem à cabeça: como chegamos aqui? Eu não chego a perguntar, porque nem todo mundo lida bem com perguntas estranhas logo na primeira conversa, mas eu penso. Vamos analisar, por exemplo, eu e você. Ao invés de ler este livro, você poderia estar lavando louça (espero não ter te lembrado de algo), esbarrando no amor da sua vida e derrubando livros do jeito mais clichê do mundo, ou construindo um dragão ciborgue. E eu? Cá estou, escrevendo, enquanto ouço o gato miar do lado de fora do quarto depois de onze tentativas de fazê-lo se comportar na presença de um computador. Eu poderia estar no Palácio de Buckingham (nem sei falar isso em voz alta), ou apenas dobrando a pilha de roupas que deixei no pé da cama, mas estou aqui. As duas possibilidades são remotas, mas elas existem, ok? A gente nunca pode se esquecer de que a vida é muito louca. O livro é exatamente sobre isso. Sobre ser quem você é, por mais doido que a ideia e você sejam. Vamos tentar esquecer a palavra “doido” por um momento, apesar de ela estar no título do livro, e focar em “você”. Você. V O C Ê. Não entendeu nada? Então corre para a primeira página...

Já conhecia algum desses livros? Tem algum outro livro para indicar que também tenha sido escrito por uma mulher brasileira? Deixe aí nos comentários!

Beijoos ;*


sábado, 27 de outubro de 2018

Na telinha: Diário de Horrores

Olá querido(a)!
Hoje eu vim falar um pouco sobre a série Diário de Horrores.


Descobri essa série quando estava sem nada para fazer e queria assistir uma série nova. Já tinha visto que ela tinha entrado no catálogo da Netflix e achei bem interessante. Ia assistir com a minha irmã, mas ela acabou desistindo e eu assisti sozinha. Não me arrependi. Achei interessante toda a construção desse terror com roupagem infantil, mas não "idiota".

"Um mascarado coleciona histórias sobre magia negra, encontros sobrenaturais e tecnologia fora de controle nesta série antológica para jovens adolescentes."


Eu estou numa onda de assistir suspenses e filmes de terror, não sei porque. Essa série acabou me chamando bastante atenção e foi uma escolha acertada. Confesso que no início, primeiro episódio, eu achei meio bobo, mas os episódios seguintes foram me surpreendendo. A série é um compilado de contos de terror muito bem estruturados e você não precisa assistir na ordem, ou assistir todos para entender o que está acontecendo. Eu achei sensacional e que entrou para o catálogo no mês certo (outubro). Mesmo sendo uma série infanto-juvenil eu achei muito bem feita e alguns episódios até me deram um medinho, ou me deixaram confusa. Não é uma série de sustos, mas que possui um terror psicológico interessante.

A série possui apenas 1 temporada, com 13 episódios de 25 minutos cada. Eu acho a série bem curtinha, dando pra assistir tudo em um ou dois dias. É uma série de terror infanto-juvenil e mistério que vale a pena ser vista.


Você pode assistir essa série pela Netflix.

Já assistiu essa série? Deixe seu comentário pra eu saber a sua opinião!

Beijoos ;*


sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Resenha literária: Amor Sem Lembranças

Olá querido(a)!
A resenha literária de hoje é sobre o livro Amor Sem Lembrança.


Sinopse: Ela o viu só uma vez na vida, mas foi o bastante para se entregar Com o coração disparado Nicole aguardava que a porta do escritório se abrisse e Matthew entrasse. Ele agora seria seu patrão. Seria…. se ela tivesse forças para continuar trabalhando ali, ao lado do homem a quem se entregava sem ao menos conhece-lo quando não passava de uma adolescente! Só de pensar no que aconteceria quando Matthew a reconhecesse como a garota bêbada que levara para a cama, Nicole se sentia sufocar.

Assunto: Romance, Romance Erótico.

Editora: Nova Cultural.

Páginas: 123.

Ano: 1994.

Sobre a autora: Penny Halsall, nascida Penelope Jones (24 de novembro de 1946 em Preston, Lancashire, Inglaterra - 31 de dezembro de 2011) é conhecida pelos pseudônimos Caroline Courtney, Melinda Wright, Lydia Hitchcock, Penny Jordan e Annie Groves, e é uma das maiores escritoras inglesas de ficção romântica da atualidade.


Mais um livro de romances que li para aquecer o coração. Nem preciso dizer, mas li esse livro só por causa da autora mesmo, porque eu adoro.

A capa é retrô, mas confesso que não me agrada. É só o rosto do casal mesmo, uma coisa fofa. Não vou falar sobre a diagramação, porque li pelo Kindle. A leitura corre fácil porque não é um livro longo, e a história é bem romântica.

É um livro de romance porém tem algumas partes eróticas. Gosto desse tipo de livro porque aquece o meu coração. Romances sempre são bem vindos. Nesse os personagens são fofos e a história também. Nicole é uma garota de 18 anos que as pessoas julgam como pouco feminina e frígida, e quando escuta isso da boca de seu namorado fica péssima. No calor dos acontecimentos e com sede de mudar ela faz mudanças em seu visual. Aparece renovada em uma festa da empresa e se interessa por Matthew e o usa para fazer ciumes no namorado babaca. Depois de beber bastante e acordar na casa do rapaz que acabou de conhecer, ela sente vergonha. Muda de cidade e acha que perdeu a virgindade com ele. Depois de 8 anos eles se reencontram, ele como novo chefe na empresa em que ela trabalha. E em todos esses anos ela nunca mais se relacionou com ninguém. Será que vai rolar um clima entre esses dois? Leia o livro para saber como essa história vai terminar.

Eu recomendo esse livro pra quem gosta de romances clichês e que aquecem o coração, haha. É um livro ótimo para usar como respiro de leituras mais "pesadas" ou "inteligentes". E é aquele livro legal e com um romance leve e tímido. O que ajuda muito é que o livro é bem rapidinho, então em um dia você termina.

Esse livro eu baixei na internet e coloquei no meu Kindle, mas ele é o tipo de livro que vendia antigamente em bancas de jornal (acho que você pode encontrar para comprar online e muito facilmente encontra lugares onde pode baixar).

O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Os 15 sapatos femininos mais bizarros do mundo

Olá querido(a)!
Hoje é dia do sapateiro e nada melhor que fazer uma postagem sobre sapatos. Pensei em fazer algo mostrando os sapatos da moda, mas aí lembrei que existem sapatos bem bizarros por aí. Então, nessa postagem, selecionei 15 sapatos que achei mais bizarros e estranhos.
















O que você achou desses sapatos? Qual você achou mais bizarro? Me conta aí nos comentários!

Beijoos ;*

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Resenha literária: A Garota do Calendário - Dezembro

Olá querido(a)!
A resenha literária de hoje é sobre o livro A Garota do Calendário - Dezembro.


Sinopse: Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em dezembro, Mia irá a Aspen, a estação de esqui mais celebrada pelos americanos endinheirados. Um homem misterioso pagou uma bolada para que ela fosse até lá. E o que Mia vai encontrar nas montanhas geladas vai mudar sua vida para sempre.

Assunto: Romance.

Editora: Verus.

Páginas: 160.

Ano: 2016.

Sobre a autora: Audrey Carlan é uma autora best-seller do New York Times, USA Today e do Wall Street Journal. Alguns de seus trabalhos incluem as séries Falling e Calendar Girl.


Faz um tempo que eu estava curiosa para ler a série A Garota do Calendário, achei interessante essa proposta de cada livro contar sobre um mês do ano. Já confesso que fui surpreendida pelos livros e adorei.

A capa faz o estilo que eu gosto: tem um casal que é típico dos livros de romance. O que me agrada é que a capa é em preto e branco, porém dá cor ao vestido (nesse a cor é um branco). Sinceramente, sou apaixonada por todas as capas. Não vou falar sobre a diagramação, porque li pelo Kindle. A leitura corre fácil porque não é um livro longo e a história acaba prendendo a gente.

Nesse décimo segundo livro temos mais reviravoltas na vida de Mia. Ela vai para Aspen a trabalho, mas não sabe o que irá acontecer por lá (e esse acontecimento é quase que um fechamento de um ciclo). As coisas podem ficar um pouco confusas, mas a história se aproxima do fim. Finalmente conseguimos o tão sonhado final feliz para a nossa protagonista e todos os pontos soltos da história são fechados.

É um livro que gostei bastante da leitura, apesar de possuir algumas cenas mais quentes, esse não é o tema principal. Acho bastante interessante ver como a Mia se vira nesse emprego de acompanhante, e como ela faz isso por um motivo maior. É um livro que muitas vezes nos motiva a fazer coisas. A cada capítulo vamos nos apegando as personagens que são apresentados. Eu indico para as pessoas que gostam de romance e de livros curtinhos.

Esse livro eu baixei na internet e coloquei no meu Kindle, mas você pode encontrar em diversas lojas que vendem livros.
O que você achou da resenha? Já leu esse livro? Tem interesse em ler? Deixe seu comentário aqui embaixo, estou doida para saber a sua opinião!

Beijoos ;*

terça-feira, 23 de outubro de 2018

Inspiration: Penas

Olá querido(a)!
Não sei porquê, mas eu adoro penas. Elas passam aquela sensação de leveza que não explicar. E eu quase tatuei uma pena uma vez, mas acabei tatuando um pavão (que, por incrível que pareça, tem penas). Peguei várias imagens inspiradoras e bonitas para dividir com você.











O que você achou da inspiração de hoje? Me diga nos comentários!

Beijoos ;*